STF: Moro agiu com ‘parcialidade’ no julgamento de Lula



A Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) declarou, nesta semana, por três votos a dois, que o ex-juiz federal Sergio Moro foi parcial no processo de suspeição pelo julgamento em que condenou o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva envolvendo um tríplex em Guarujá.

O deputado federal do PT por São Paulo, Carlos Zarattini, comemorou a decisão que reforça a inocência de Lula e a perseguição de Moro contra o ex-presidente. “A seletividade de Moro sempre foi descarada e denunciamos isso de forma heroica. Hoje, depois de anos de perseguição, a justiça reconhece a parcialidade de Moro. Viva Lula, viva o direito de todos a um julgamento justo e o respeito ao Estado Democrático de Direito”.

Zarattini também falou do papel da militância petista na luta por justiça para Lula. “Eu queria lembrar aqui uma coisa que é simbólica, o presidente Lula ficou preso 580 dias e durante 580 dias tinha um acampamento lá na frente da Polícia Federal todo santo dia: bom dia, presidente Lula! Boa tarde, presidente Lula! Boa noite, presidente Lula! É um exemplo da nossa militância, a militância do PT, a militância do povo não desiste, não desanima, persevera. E nós vamos com essa militância derrotar esse fascista do Bolsonaro e colocar o Lula de volta lá e fazer um grande governo para tirar o Brasil desse caos, desse atoleiro em que o Michel Temer, em que os golpistas nos puseram e está afundando ainda mais com esse sem noção, com esse fascista do Bolsonaro. Eu acho que é essa a nossa força, é essa a nossa luta. A nossa militância, o nosso povo brasileiro.”

Com informações, PT na Câmara



➡️ Quer ficar bem informado sobre o que acontece na política e ter mais informações do meu trabalho? 😃

💬 Acesse o link e faça parte da nossa rede de amigos. https://linktr.ee/zarattini