O Zarattini



ZARATTINI: EM DEFESA DOS DIREITOS DO POVO E DO BRASIL 

Zarattini é economista pela USP e especialista em Engenharia de Transportes. Está no seu 4º mandato de deputado federal (PT/SP). Em 2018, foi eleito com 138.909 votos. Foi vereador, deputado estadual e secretário de Transporte do governo Martha Suplicy. Em 2017, foi eleito líder da bancada do PT na Câmara. Foi o criador do Bilhete Único, da Tarifa Social de Energia Elétrica e da lei que regulamentou serviço de transporte individual de passageiros. Responsável pela aprovação da Lei Anticorrupção e autor da regulamentação do lobby.

 Trajetória de Vida

Carlos Alberto Rolim Zarattini é economista formado pela Universidade de São Paulo (USP) e especialista em Engenharia de Transportes. Participou da reorganização dos estudantes secundaristas na década de 70. Trabalhou como gráfico e participou da luta pela construção Central Única dos Trabalhadores. Mais tarde, trabalhando no Metrô de São Paulo e foi eleito secretário-geral do Sindicato dos Metroviários.

Indicado pelos companheiros do metrô, disputou a eleição de vereador em 1992 e em 1995 assumiu o mandato de vereador em São Paulo. Apresentou e aprovou o projeto criando o Bilhete Único.

Em 1998, foi eleito deputado estadual, lutou contra a privatização da CESP e atuou com ênfase na área de Educação. Aprovou a redução para 35 alunos por sala de aula nas escolas estaduais e a eleição direta dos diretores pela comunidade, mas a iniciativa foi vetada pelo governador tucano Mário Covas.

No governo petista de São Paulo (2001-2004), como Secretário de Transportes, Zarattini realizou a revolução dos transportes na cidade. Criou o Atende e o Transporte Escolar Gratuito. Propôs uma nova legislação para os transportes, possibilitando a implantação de corredores de ônibus, a renovação da frota e a organização do transporte clandestino para, enfim, implantar o Bilhete Único que reduziu os gastos de mais de cinco milhões de trabalhadores da periferia de São Paulo.

Eleito deputado federal em 2006, 2010 e 2014, Zarattini segue trabalhando para melhorar e tornar a vida dos trabalhadores mais barata. É autor da lei da Tarifa Social de Energia Elétrica e da lei 13.640/2018 que regulamenta e determina a fiscalização pelos municípios do serviço de transporte individual remunerado de passageiros. Foi o responsável pela aprovação da Lei Anticorrupção e também apresentou o projeto de regulamentação do lobby.

Em 2017, assumiu a liderança da bancada do PT na Câmara dos Deputados, segunda maior da Casa com 60 deputados. Uniu a bancada petista e dialogou permanentemente com sindicatos e movimentos sociais. Fez uma gestão alinhada com os anseios da população liderando a luta contra a retirada de direitos dos trabalhadores. Conseguiu importante vitória ao barrar a aprovação da Reforma da Previdência.

Principais ações:

  • Foi o criador do Bilhete Único em São Paulo
  • Foi o criador da Tarifa Social de Energia Elétrica para famílias de baixa renda
  • Autor da Lei 13.640/18 que regulamentou a fiscalização pelos municípios do serviço de transporte prestado por aplicativos digitais como Uber, Cabify e 99 POP
  • Relator da Lei Anticorrupção 12.846/13 que pune empresas que praticam atos lesivos contra a administração pública.

 Mandatos:

Deputado Federal, 2015-2019, SP, PT.

Deputado Federal, 2011-2015, SP, PT.

Deputado Federal, 2007-2011, SP, PT.

Deputado Estadual, 1999-2003, SP, PT.

Vereador, 1995-1996, SP, PT.

Atividades Profissionais e Cargos Públicos:

1985-2006: Analista Operacional, Companhia do Metropolitano de São Paulo.

2001-2002: Secretário de Transportes do Município de São Paulo, São Paulo, Prefeitura Municipal de São Paulo.

2003: Gerente Regional de Administração, Ministério da Fazenda em São Paulo,

2004: Secretário de Subprefeituras do Município de São Paulo.

2005-2006: Assessor Parlamentar, Câmara Municipal de São Paulo.

Atividades Sindicais, Representativas de Classe e Associativas:

1987-1992: Diretor, Sindicato dos Metroviários de São Paulo – Secretário-Geral.