A riqueza do Brasil não se entrega



Crédito: Site Sindicato Nacional dos Servidores Federais da Educação Básica, Profissional e Tecnológica (SINASEFE)

A luta em defesa da soberania nacional é uma das prioridades da CSD e da CUT. O projeto do governo brasileiro é o da privatização de empresas estratégicas para o desenvolvimento nacional e de entrega de nossas riquezas naturais. Por isso estamos engajados, com partidos, movimentos sociais e organizações da sociedade civil na campanha em defesa da soberania nacional sob o mote “A riqueza do Brasil não se entrega!”

Saiba mais sobre a campanha. Leia o Manifesto de lançamento: http://bit.ly/2YdlvRN

Nessa semana estamos dando visibilidade para esse tema e para os materiais dessa campanha. Por isso orientamos a militância e as organizações a postarem os materiais da campanha em suas redes e a realizarem atividades locais de divulgação da campanha e diálogo com a população sobre os riscos que corre a soberania nacional do Brasil.

O que você pode fazer?

Em primeiro lugar, passe essa mensagem adiante para que mais pessoas conheçam e possam se engajar na campanha por aqui ou pelo post no face.

Além disso, vocês pode participar de várias formas:

🖼 Use os cards da campanha em suas redes e de suas organizações: http://bit.ly/35ZXLTH

👤 Altere sua foto de perfil nas redes sociais: https://twibbon.com/support/em-defesa-da-soberania

🚘 Reproduza o adesivo de carro com a marca da campanha e organize um adesivaço na sua cidade: http://bit.ly/2LmJOrc

📄 Produza panfletos e outros materiais com a identidade visual da campanha: http://bit.ly/2OOzUkk

📰 Reproduza e distribua o Jornal Brasil de Fato Especial: http://bit.ly/2sIWuCj

A Campanha em defesa da soberania continua em 2020 buscando unir os trabalhadores do serviços públicos, das empresas estarias e as organizações do povo brasileiro na luta em defesa das estatais, do nosso território e das nossas riquezas naturais.